segunda-feira, 20 de junho de 2011

Campeão Paulista de 2009

O Campeonato Paulista de 2009, foi muito especial para os Corinthianos,o clube acabara de voltar a elite do futebol nacional. Além de um bom conjunto, que era comandado pelo técnico Mano meneses o Corinthians teve um reforço de muita grandeza, dia 8 de março, clássico contra o arqui-rival palmeiras em Presidente Prudente no interior paulista marcou a estréia de Ronaldo no Campeonato Paulista, O clássico foi complicado par o Timão, primeiro tempo muito truncado com poucas chances para os dois times, Já no segundo tempo, Diego Souza atacante palmeirense, abre o placar logo aos 3 minutos, após falha do goleiro Felipe. O Corinthians não estava bem na partida e não levava muito perigo ao gol adversário. Aos 18 minutos,para delírio do país inteiro que parou para ver o retorno do fenômeno aos gramados brasileiros. Após 15 minutos em campo, o Fenômeno faz boa jogada e acerta a travessão do Palmeiras e quase empata a partida. O Timão parte para a pressão, tenta, mas não consegue o gol do empate, mais aos 47 minutos. Escanteio para o Corinthians. Douglas cobra e...... todo mundo já sabe. Espetacular....., senhoras e senhores o fenômmeno voltou, estéria total, não poderia ser melhor para os apaixonados pelo Ronaldo e principalmente para os corinthianos e também para o próprio jogador, gol na estréia e logo contra o maior rival. O gol foi especial primeiro Ronaldo sobe sozinho e faz o gol de empate de cabeça, fato que não era comum para o craque acomemoração atípica, ele corre enlouquecido em direção da torcida, pula uma placa publicitária e escala o alambrado, onde é seguido por outros jogadores alvinegros. Claro, o alambrado não aguentou ao peso e caiu. Fim de jogo em Presidente Prudente. Ronaldo faz seu primeiro gol com o manto sagrado, salva o Coringão de sua primeira derrota e ainda recebe uma homenagem da administração do estádio, que batiza o alambrado de “Alambrado Fenomenal”.

video
Após vários embates o timão chega a semifinal no dia 12 de abril, Corinthians e São Paulo entram em campo para a primeira partida da semifinal. Em um Pacaembu lotado, o Timão pressionou o São Paulo, mas tomou o castigo. Miranda abre o placar para o time do Morumbi, aos 25 minutos do primeiro tempo. Sorte que 3 minutos depois, Elias empata para o Timão. Vem o segundo tempo e mais pressão do Timão. Mas nada do gol sair. O Coringão perdia gol atrás de gol,empate, quase definido foi quando, aos 47 minutos, Cristian acerta uma bomba de perna direita de fora de área, sem chances para Rogério Ceni. Placar final: 2 x 1, e vantagem do empate na próxima partida para o Corinthians. 
video
Na segunda partida, realizada no dia 19 de abril, no estádio do Morumbi, o empate garantia a vaga na final, ao lado do Santos, que já tinha eliminado o favorito Palmeiras com duas vitórias convincentes. O São Paulo tentou pressionar, mas a zaga do Timão ai garantindo o resultado. No início do segundo tempo, o timão leva uma bola no travessão. Foi um dos poucos susto. Aos 10 minutos, Ronaldo da um lindo lançamento para Jorge Henrique, que enche o pé a acerta a trave. No rebote, Douglas apenas empurra para o gol e abre o placar para o Coringão. O São Paulo nem teve tempo de esboçar uma reação. Dois minutos depois, Ronaldo que tinha sido muito contestado sobre o seu peso e mobilidade, recebe lançamento primoroso de Cristian e ganha na corrida do zagueiro Rodrigo e apenas dá um toquinho, na saída do goleiro Bosco. 2 x 0 e fim de papo: Timão na final!
video
O Corinthians chega a final contra o Santos de maneira invicta, a primeira partida da final,dia 26 de abril na Vila Belmiro. O time santista exercia uma enorme pressão, Felipe fazia ótimas defesas livrando o time de uma derrota que parecia eminente, até que aos 16 do primeiro tempo, Chicão cobra falta com perfeição e abre o placar na Vila. 9 minutos depois, Chicão da um balão para frente a bola vai em direção do Ronaldo que com um domínio espetacular, ajeita e marca, na saída de Fábio Costa. No segundo tempo, o Santos volta disposto a acabar com a festa corintiana. Mas Felipe fazia milagres atrás de milagres, até que, aos 16 do segundo tempo, o Santos chega ao primeiro gol, com de Triguinho. Tensão. O Santos pressionava e queria o segundo gol. Aos 31 minutos do segunto tempo, Elias lança Ronaldo, que em um lance de gênio, o craque da camisa 9 corinthiana dá um corte seco no zagueiro santista, vê Fábio Costa adiantado e dá um pequeno toque de cobertura, o suficiente para encobrir o goleiro santista e fazer a bola morrer no fundo do gol. Gol de gênio e fim de jogo. 3 x 1 para oTimão e vantagem para a sugunda partida.
video
O Timão entra em campo para ser campeão paulista pela 26ª vez em sua história dia 05 de Maio. Apesar de saber que podia perder por até dois gols de diferença para ficar com o título, ninguém queria saber de derrota. Afinal, um empate garantiria o título invicto, honra que foi conquistada pela última vez pelo Timão, no longínquo ano e 1938. Em um Pacaembu lotado, o Santos atacar e busca sair na frente no placar, Felipe, mais uma vez, faz ótimas defesas e salva o time em várias oportunidades. A pressão santista surte efeito e aos 26 minutos do primeiro tempo, Felipe faz pênalti em Kléber Pereira. Na cobrança, o próprio Kléber faz 1 x 0, mas nem tiveram tempo de comemorar o gol santista acordou o time corinthiano, 5 minutos depois, André Santos, bem ao seu estilo, recebe um belo passe de Dentinho e empata a partida. No segundo tempo, o Coringão apenas administrou o resultado e esperou pelo apito final. Fim de jogo no Pacaembu, simplesmente fenomenal.
video


Campanha do Paulista de 2009
Jogos: 23
Vitórias: 13
Empates: 10
Derrotas: 0
Gols pró:: 41
Gols contras: 18

Nenhum comentário:

Postar um comentário